O “novo normal” e a inovação: contratação à distância aumenta o risco de discriminação?

De certa forma, as contratações à distância ou “às cegas”, tendem a reduzir a discriminação e ampliar as possibilidades e acessos às pessoas que talvez em condições tradicionais não teriam a mesma oportunidade.

Estudos comprovam que, ao realizar um recrutamento à distância, é observada uma maior imparcialidade na avaliação dos currículos, sendo priorizadas as competências técnicas dos candidatos.

A diversidade também pode ser uma consequência positiva da contratação à distância, uma vez que a modalidade rompe com preconceitos e estereótipos que defendem que só existe “um tipo de trabalhador ideal”.

Quando o foco é encontrar um profissional para resolver as necessidades da empresa e nada mais, a chance de essa contratação dar certo é muito MAIOR.

Ao acertar na contratação, a empresa automaticamente está reduzindo custos, evitando a realização de novos processos seletivos, que da maneira tradicional são longos e de alto custo.

❗ Conclusão: a contratação à distância favorece à #diversidade e minimiza a discriminação, podendo tornar mais #assertivo o processo seletivo para as empresas. O desafio é a gestão das equipes à distância. Tema para outra conversa… 🤓

#rioseassuncaoadvogados #direitodotrabalho #direitotrabalhista #reaadvocacia #empresarios #empreendedores #direitotrabalhistaparaempresas #direitoparastartups

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.